Peças de arte e museus: como funciona a iluminação?


Saiba como o uso correto das lâmpadas auxilia na arte

Que as luzes valorizam os ambientes e a decoração, ninguém pode duvidar. Mas outro papel fundamental que uma boa iluminação exerce é o de destacar peças de artes em museus, coleções, galerias e exposições.

As cores, formas e ângulos das peças são acentuados quando expostos à luz correta. Atingir um bom nível de iluminação é fundamental para o sucesso de um espaço de exposições, para que as obras de arte, artes plásticas e artes visuais entre outras vertentes estejam sempre em evidência.

O projeto de iluminação deve ser planejado com atenção e profissionalismo, pensando sempre no conforto visual do visitante ao admirar as peças e na economia de energia elétrica. A iluminação deve ser uniforme, não pode ofuscar nem comprometer a composição da peça exposta, que deve ser sempre preservada conforme suas recomendações.

Trilhos e Spots da Altena para Dagmar Saboia @dagsaboya do Leilão de Arte. Foto: @marianaorsifotografia

Existem diversas regras internacionais quanto à conservação de peças históricas e elas devem ser seguidas à risca a fim de preservar a história para as próximas gerações.

Os trilhos eletrificados da Altena, quando utilizados em conjunto com os spots de LED, cumprem o papel de levar a luz a todos os pontos do ambiente com discrição, sem roubar a atenção das obras de arte em exposição. São várias cores de spots disponíveis, em tons que se mesclam com o ambiente e cumprem o papel de iluminar com modernidade e eficiência.

Algumas das vantagens da utilização de spots da Altena são a versatilidade e a mobilidade que eles oferecem, podendo ser apontados para a direção necessária. Dessa forma, a luz acompanha a peça exibida e não o contrário, permitindo que o espaço seja utilizado de maneira completa.

Os spots com canopla (ou spots de sobrepor) são instalados diretamente no teto e fornecem uma luz mais direta e focada. Caso você precise de uma peça que ofereça mobilidade, escolha os spots para trilho eletrificado, que permitem vários spots ao mesmo tempo e o posicionamento dos spots de acordo com o seu projeto.

Conforme falamos anteriormente no blog, o IRC (Índice de Reprodução de Cor) deve ser levado em consideração na hora de planejar o projeto. O IRC é uma medida quantitativa da habilidade de uma fonte luminosa de revelar as cores de vários objetos de forma fiel em comparação com uma luz natural.  Essa escala vai de 0 a 100% e fontes luminosas com um alto IRC são fundamentais para aplicações onde as cores são essenciais como restaurações artísticas, exposição de artes e outros ambientes.

Uma iluminação correta também transforma as peças de arte da sua casa em um verdadeiro museu, afinal, o que é importante para você merece total destaque.

Precisa de um projeto de iluminação na sua galeria?
Invista em produtos da Altena e garanta mais visitas.
Entre em contato com a gente e saiba mais sobre nossos produtos!